UMA ANÁLISE DAS DÍADES EM POLÍTICAS PÚBLICAS PARA EDUCAÇÃO SUPERIOR

UMA ANÁLISE DAS DÍADES EM POLÍTICAS PÚBLICAS PARA  EDUCAÇÃO SUPERIOR

Resumo

O sistema educacional brasileiro e os seus diversos níveis de ensino registram uma evolução marcada pela desigualdade desde os tempos remotos. Este trabalho analisa o ensino superior a partir de uma reconstrução da sua evolução histórica e apresenta também uma análise das políticas educacionais nos dias atuais. Aborda também, a periodização do ensino superior no Brasil e a descrição de alguns programas e ações adotadas pelo governo, na educação na perspectiva da ampliação e melhoria na educação.

Continue lendo UMA ANÁLISE DAS DÍADES EM POLÍTICAS PÚBLICAS PARA EDUCAÇÃO SUPERIOR

SQL SERVER – QUERYING -– BACKUP FULL DATABASE

Hoje explicar como se faz o backup Full Database através da linguagem Transact-SQL.

O Backup Full faz a cópia do Banco de Dados completo e isso inclui uma parte do Log de transação para que a Base esteja pronta após a restauração.  Lembrando que este tipo de Backup ocupa mais espaço em disco e em alguns casos é melhor utilizar outra estratégia de Backup.

Continue lendo SQL SERVER – QUERYING -– BACKUP FULL DATABASE

TRANSPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOÉTICAS

TRANSPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOÉTICAS NO
TRATAMENTO DE LEUCEMIA MIELOIDE AGUDA
Leda Rosina Fonseca da Silva, Prof. Me. Rogério Serrano Gallo
Universidade Mogi das Cruzes – UMC/VL
Resumo
Leucemia Mieloide Aguda é uma doença maligna caracterizada pela proliferação de  células imaturas da linhagem mieloide que invadem o sangue periférico. A fase de  indução é o inicio do tratamento, onde é utilizado ciclos, respeitando o protocolo, de  quimioterápicos, um dos mais utilizados é Ara-C (antraciclina associado a  citrarabina), com o intuito de eliminar células leucêmicas e atingir a remissão
completa. Pós-remissão é a fase seguinte, no qual é uma terapia adicional com  objetivo de eliminar células remanescentes da medula óssea, pois podem haver  resíduos de células leucêmicas que não são detectáveis e podem se desenvolver e  levar a recidiva. Nessa fase podem ser usados quimioterápicos em altas doses de
Ara-C ou transplante de célula-tronco hematopoética (TCTH), podendo ser  alogênico, quando as células-tronco são de um doador saudável e com HLA  compatível, ou autólogo, quando as células-tronco são do próprio paciente.

Continue lendo TRANSPLANTE DE CÉLULAS-TRONCO HEMATOPOÉTICAS